domingo, 24 de junho de 2012

Para o meu Deus da escuridão meu romântico sombrio.

Quando acordo de um sonho, aquele que estava se desenrolando em minha mente perfeitamente, procuro ele debaixo do meu travesseiro desesperadamente, o procuro como um refúgio, um abrigo, pois nesse momento tudo que está a minha volta já me cansou, me deixou exausto, o gosto amargo da vida é o preço a pagar por todos os sabores doces de um sonho, a realidade me sufoca, me corrói e me retalha, porém talvez essa seja a dor que me mantem vivo, oque ajuda o meu sangue a correr dentro de minhas veias, faria tudo por um par de asas, um amor sincero, um sorriso dedicado a mim.

4 comentários:

  1. Quando leio seus textos sempre dou um sorriso dedicado a você. Eu deliro a cada palavra e me apaixono pelo seu jeito único e encantador de escrever.

    ResponderExcluir
  2. Por vezes a rotina chata e exaustiva nos torna tão vazios e tediosos quanto uma caixinha de musica quebrada.
    Parece que com o passar do tempo o mundo fica mais chato e sem cor, onde a unica coisa que nos motiva a sair desse coma induzido de monotonia é a nossa imaginação.

    Belo post, concordo com suas ideias. Falta algo a mais nesse mundo sem graça.

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigado pelo carinho Bia.

    ResponderExcluir
  4. Obrigado por me compreender Denis.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...